Rapaz fotografa fantasma que ronda seu apartamento

A história não vem de hoje, mas foi recentemente que Ellis fez a coisa mais maluca que poderia fazer: ele fotografou a assombração

1

Se você acha isso inacreditável, coloque mais esse dado na sua equação: Ellis sofre de paralisia noturna e nunca sabe se foi um pesadelo ou se aconteceu de verdade e parece um pesadelo porque ele não consegue reagir.

 

Durante seu pesadelo mais recente, no começo de novembro, Ellis se lembra de ter pego o celular e tirado umas fotos com ele no escuro.

 

No dia seguinte, ele lembrou de ter passado por aquilo que achava ser um pesadelo e foi lá ver se realmente tinha tirado as fotos — e lá estavam elas

 

 

Na real, ele tinha tirado as fotos sim e pareciam apenas fotos tiradas na mais completa escuridão

 

Isso até que alguém teve a ideia de ajustar a luminosidade e o contraste das imagens e quando isso aconteceu…

 

LÁ ESTAVA ELE! O fantasma do garotinho — do mesmo jeito que Adam Ellis sempre descreveu — sentado no sofá do outro lado da sala

 

6
Este é o momento em que o fantasma supostamente se levanta e vem caminhando na direção de Ellis.

 

7
Este é o momento em que o fantasma supostamente se levanta e vem caminhando na direção de Ellis.

 

8
Este é o momento em que o fantasma supostamente se levanta e vem caminhando na direção de Ellis.

 

 

Segundo Ellis, esta foi a foto que fez com que seu coração parasse… Foi quando o garoto veio na direção dele e começou a murmurar coisas que Ellis não entendia… Depois disso, ele revirou os olhos até que eles ficassem totalmente brancos e foi subindo na cama até que Ellis acordou — e já não era mais noite

 

Compare o desenho que Elklis fez em agosto com as fotos que ele tirou no dia 7/11… Nas duas fotos, o fantasma tem a mesma cabeça amassada que tem no desenho.

 

7ayvyctq3_259r5k2dx5_file

 

Ellis ficou tão apavorado que, quando soube que havia um outro apartamento para alugar, um andar para baixo, mudou na mesma hora. O apartamento era maior e aquilo pareceu ter despistado Dear David. Enquanto isso, Ellis pesquisou na internet e tentou achar algum acidente parecido com aquele que o fantasma contou que havia sofrido — não achou nenhum

 

Foi então que algo realmente bizarro começou a acontecer: por quatro noites seguidas, seus gatos passaram a ficar postados bem em frente à porta como se houvesse alguém do lado de fora — sempre perto da meia noite. Ellis chegou a abrir a porta, acender a luz do lado de fora e, embora não tivesse visto nada, pelo olho mágico teve quase certeza de ter visto algo se movendo do lado de fora.

 

6lup8wi5xb_8uco8tp4t2_file

Ellis chegou a cercar sua porta com sal — achando que isso impedir o fantasma de Dear David de entrar em seu novo apartamento. Nesta noite, um de seus gatos, o Maxwell, passou a noite inteira miando, como se estivesse tentando “dizer alguma coisa” .

 

6kr145wa2c_2y7zks6h9k_file

 

Tempos depois, Nova York foi assolada por uma imensa tempestade e Ellis foi dormir mais cedo. Durante a noite, ele sonhou com Dear David outra vez e, no sonho, o fantasma puxava Ellis pelo braço na direção de um antigo armazém. Quando acordou no dia seguinte, Ellis notou que seu braço estava marcada.

 

28

 

Como será a próxima manifestação de Dear David? Para saber, siga o Adam Ellis no Twitter (@moby_dickhead) ou fique ligado aqui no Casos Curiosos.

Fonte: R7

Comments

comments

lysao

Publicitário, 25 anos.

O que achou?